Header Ads

Matemática de mendigo

Um sinal de trânsito muda de estado em média a cada 30 segundos (trinta segundos no vermelho e trinta no verde). Então, a cada minuto um mendigo tem 30 segundos para faturar pelo menos R$ 0,10, o que numa hora dará: 60 x 0,10 = R$6,00.

Se ele trabalhar 8 horas por dia, 25 dias por mês, num mês terá faturado: 25 x 8 x 6 = R$ 1.200,00.

Será que isso é uma conta maluca?

Bom, 6 reais por hora é uma conta bastante razoável para quem está no sinal, uma vez que, quem doa nunca dá somente 10 centavos e sim 20, 50 e às vezes até 1,00.

Mas, tudo bem, se ele faturar a metade: R$ 3,00 por hora terá R$600,00 no final do mês, que é o salário de um estagiário com carga de 35 horas semanais ou 7 horas por dia.

Ainda assim, quando ele consegue uma moeda de R$1,00 (o que não é raro), ele pode descansar tranqüilo debaixo de uma árvore por mais 9 viradas do sinal de trânsito, sem nenhum chefe pra 'encher o saco' por causa disto..

Mas considerando que é apenas teoria, vamos ao mundo real.
De posse destes dados fui entrevistar uma mulher que pede esmolas, e que sempre vejo trocar seus rendimentos na Panetiere (padaria em frente ao CEFET ). Então lhe perguntei quanto ela faturava por dia. Imagine o que ela respondeu?

É isso mesmo, de 35 a 40 reais em média o que dá (25 dias por mês) x 35 = 875 ou 25 x 40 = 1000, então na média R$ 937,50 e ela disse que não mendiga 8 horas por dia".
Moral da História :

É melhor ser mendigo do que estagiário (e muito menos PROFESSOR), e pelo visto, ser estagiário e professor, é pior que ser Mendigo...

Se esforce como mendigo e ganhe mais do que um estagiário ou um professor.

Estude a vida toda e peça esmolas; é mais fácil e melhor que arrumar emprego..

E lembre-se :

Mendigo não paga 1/3 do que ganha pra sustentar um bando de ladrão.

Viva a Matemática. Viva o Edir Macêdo. Viva o Sarney.......Viva o Congresso Nacional,,,,,,!!!

Que país é esse?

Comentário PC@maral:

Eu era dono de uma loja de equipamentos eletrônicos no centro da cidade do Rio de Janeiro. Disse que era, pois vendi a loja e me estabeleci em outro bairro, onde estou até hoje.

Lembro dos primeiros anos na loja, onde recebia toda semana a visita de uma senhora que se locomovia bem devagar pois mancava de uma perna e por isso fazia uso de uma bengala. Toda sexta-feira ela entrava na loja e pedia R$1,00 para ajudar nas despesas da casa, pois era aposentada e doente, gastando grande parte de sua renda com remédios, desabafava a pobre senhora.

Eu sabia que ela pedia em outras lojas vizinhas a minha, e que fazia isso todos os dias "úteis". Uma certa semana ela não apareceu, e nem na outra. Ao fim da terceira semana voltou, e eu, todo atencioso lhe dei o R$1,00 de toda sexta-feira. Qual não foi a minha surpresa quando ela me disse se eu não poderia lhe dar os atrasados, dos dias em que não pode vir. Confesso que fiquei irado. Não era crente ainda, e dali para frente nunca mais dei dinheiro aquela senhora, por causa do que achei um abuso da parte dela. Cara de pau... eu ruminava.

Ainda no centro da cidade, em um dia de sábado, onde o expediente é até as 12:00h, fechei a loja e me dirigi ao ponto de ônibus para voltar para casa. O movimento foi fraco e eu só estava com o dinheiro da passagem no bolso, pois tinha muitas contas para pagar na segunda-feira e precisei deixar todo o dinheiro da féria na loja para efetuar os pagamentos.

Chegando ao ponto, alguns minutos passados, quem eu vejo se aproximando do ponto? Aquela pobre senhora. Caminhava normalmente "carregando" quatro sacolas de mercado, fez sinal para um táxi e ainda deu uma tremenda bronca no motorista porque ele parou longe de onde ela havia feito sinal.

Eu, havia trabalhado a semana inteira para pagar as contas da loja, estava só com o dinheiro da passagem de ônibus no bolso, sem levar nada para casa e aquela "velha senhora" fazia compras para o final de semana e ainda voltava de táxi para casa.

E eu quase perdi o ônibus de raiva!

Obs: Eu ainda não era crente pessoal. Mas que deu raiva...ah... isso deu!



PC@maral

3 comentários:

  1. Sabe PC Amaral, isso até que me deixa meio que feliz, pois este mundo não é assim um lugar de tantas infelicidades. Onde os últimos às vezes aqui mesmo, são os primeiros.

    ResponderExcluir
  2. Boa PC!! Mas essas coisa ao idéia demais e pode gerar concorrência no mercado dos pedintes...kkk
    Abraço, ah..., copiei essa tb, blz? Abraço

    ResponderExcluir

Todos os comentários serão moderados. Me reservo o direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.


..

Tecnologia do Blogger.