Header Ads

Carnaval um Tsunâmi anunciado!

Ismael Narcizo


“Como o louco que lança de si faíscas, flechas e mortandades, assim é o homem que engana o seu próximo e diz: Foi brincadeira.” Prov. 26:18-19.

O número de mortos provocados pelos efeitos do Tsunâmi, que atingiu principalmente a Indonésia, ultrapassou a 200.000. Todas essas pessoas, se avisadas com antecedência, com certeza não esperariam para ver o que iria acontecer. Fugiriam para as montanhas, é o que fariam, assim, a vida estaria em segurança.

Apesar de muito longe, o Brasil também tem seu Tsunâmi, com maior força, maior abrangência e mais brutalmente destruidor – o Carnaval – planejado e preparado com requintes de festividades enganosas, lançará, como sempre o fez, “faíscas, flechas e mortandades”.

Apesar de datado e amplamente divulgado, milhares serão suas vítimas, espalhadas por todo o Brasil, dominadas pela cegueira espiritual. O anunciado carnaval com força de parar o país e atrair nações, espalhará, (embalado pela vômito melódico), nas ruas e salões, sua destruição em forma de prostituição, bebedices, lascívia, nudez, brigas, traições e mortes.

A mídia apresentará toda essa louca tragédia, como sendo uma grande brincadeira, mas a mortandade se fará evidente, seja na telinha ou telona, na triste quarta feira cinzenta.

O carnaval, nunca foi e nunca será uma brincadeira. Quem tem ouvidos, não o ouça, quem tem olhos, não o veja, quem tem mãos, não o abrace, quem tem pés, não se dirija para ele.

Aos irmãos em Cristo alertamos: nestes dias, subi para vossos sítios, chácaras e fazendas, subi vosso coração e entendimento para o Senhor vosso Deus que é Santo.

Quem tem entendimento, ouça, em nome de Jesus, e seja livre desse mal.

***


Fonte: Texto de autoria do Pastor Ismael Pinto Narcizo - Vi no UMAP Oliveira dos Brejinhos e divulgado no PC@maral

Nenhum comentário:

Todos os comentários serão moderados. Me reservo o direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.


..

Tecnologia do Blogger.