Header Ads

Esqueci que Igreja é o Corpo de Cristo? [2]

Por Renato Vargens

Titulo original do artigo: Respostas aos sem Igreja - Parte II


O Número de pessoas decepcionadas com a Igreja é de impressionar! É inegável o fato de que milhares de crentes que outrora frenquentaram os templos evangélicos, já não o fazem mais.

Alguns verdadeiramente se afastaram porque não eram dos nossos, (I Jo 2:19) outros, porque se decepcionaram ou se feriram na igreja, entretanto, ouso afirmar que existe uma outra parcela dos denominados "desigrejados" que se afastaram por não desejarem se submeter a qualquer tipo de governo. Para estes a livre interpretação da Bíblia, prevalece sobre o livre exame, a espontaneidade sobre a organização, as reuniões caseiras sobre as reuniões no templo.

Tais individuos repudiam qualquer tipo de liderança eclesiástica, abominam rótulos e titulos, fazendo o que bem entendem da vida interpretando a graça de Deus de acordo com suas conveniências e interesses. Lamentavelmente é nessa perspectiva, que tem surgido neste país, os caminhos da graça, da liberdade e de tantos outros mais, cuja mensagem principal é de uma evangelho light onde objetivo final é a satisfação do freguês.

Para piorar a situação boa parte dos "desigrejados", não desejam nenhum tipo de compromisso cristão. Em geral, essa atitude é gerada por pessoas que cometeram seus deslizes e depois se recusaram a submeter-se ao devido tratamento, pregando um novo "evangelho" onde a graça de Deus foi tansformada em álibe para uma vida desprovida de compromisso e santidade.

Caro leitor, como escrevi no artigo anterior, entendo perfeitamente que muitos dos cristãos se feriram em virtude dos mandos e desmandos dos coronéis da fé, que com extrema arbitrariedade impuseram sobre o povo de Deus doutrinas absolutamente anti-bíblicas. Entretanto, isso em hipótese alguma justifica o fato do crente em Jesus abandonar a "communion Sanctos" em detrimento as sus frustrações pessoais.

Caro leitor a Igreja foi criada por Cristo. Ela é composta de gente falha, pecadora e cheia de limitações, todavia, continua sendo de Cristo.

Diante do exposto, afirmo sem titubeios que continuo crendo na Igreja do Deus vivo como a única coluna e baluarte da verdade. Faço minhas as palavras do Credo Apostólico: “Eu creio na igreja, pura, santa e verdadeira”.
Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, Criador do Céu e da terra. Creio em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, o qual foi concebido por obra do Espírito Santo; nasceu da virgem Maria; padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; ressurgiu dos mortos ao terceiro dia; subiu ao Céu; está sentado à direita de Deus Pai Todo-poderoso, donde há de vir para julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo; na Santa Igreja Universal; na comunhão dos santos; na remissão dos pecados; na ressurreição do corpo; na vida eterna.

Amém.


P.s: No artigo anterior, texto do Rev Augustus Nicodemus com o titulo Os Desigrejados

Soli Deo Gloria

***

Fonte: Renato Vargens - O titulo original deste post foi substituido pelo editor do PC@maral e está mencionado junto ao nome do autor na parte superior do texto. Titulo original Respostas aos sem Igreja - Parte II

Nenhum comentário:

Todos os comentários serão moderados. Comentários com conteúdo fora do assunto ou do contexto, não serão publicado, assim como comentários ofensivos ao autor.

Tecnologia do Blogger.