Header Ads

Ceia do Senhor Jesus - Momento Sublime da Igreja de Cristo


Ontem, dia 18 de junho de 2011, comemoramos a Ceia do Senhor. Ordenança dada pelo Senhor Jesus aos seus discípulos pouco antes de sua prisão, julgamento, condenação, crucificação e morte (Mt 26: 26-28; Mc 22:14-20; I Co 11:22-25). E eu dou graças ao Senhor pela Sua misericórdia, pois me permitiu participar, servindo à mesa. Ao Senhor dou graças e glorifico o Seu Santo nome! Glórias a Jesus Cristo, Senhor meu e Deus meu!

A Ceia do Senhor é composta por dois elementos extremamente simples; porém, profundamente significativos: o pão e o vinho. Eles são emblemas, ou seja, são itens simbólicos que compõem a celebração e que foram claramente explanados por Jesus. Ele tomou o pão e, depois de ter dado graças e partindo-o, deu aos discípulos, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim (Lc 22:19). Em seguida, fez o mesmo com o cálice e disse: Este é o cálice da nova aliança no meu sangue derramado em favor de vós (Lc 22:20). Logo, o pão representa o seu corpo, que foi partido, e o vinho relembra o seu sangue, que foi derramado para a salvação do homem.

Nos textos bíblicos que tratam da ceia do Senhor, encontramos, em destaque, dois propósitos para ela. O primeiro é a recordação. O próprio Cristo diz: ... façam isso em memória de mim (1 Co 11:24,25). Celebramos a ceia, principalmente para lembrar o que o Senhor fez por nós, na cruz. O segundo propósito é a comunhão: Porventura o cálice de bênção, que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos não é porventura a comunhão do corpo de Cristo? Porque nós, sendo muitos, somos um só pão e um só corpo, porque todos participamos do mesmo pão. (cf. 1 Co 10:16-17)

Esta cerimônia é muito mais do que uma reunião de crentes: é uma festa espiritual, em que temos comunhão com Deus e com os irmãos. Por isso, participar desse ajuntamento confere benefícios à vida do crente, pois a ceia do Senhor alimenta espiritualmente o cristão e o mantém em harmonia e comunhão com seu Senhor. Também renova sua fé e sua esperança. As bênçãos conferidas pela morte de Cristo são assimiladas pelo crente, quando este come o pão e bebe o vinho.

Momento sublime da Igreja do Senhor que muitos estão abandonando por conta da “modernidade” e dando a desculpa esfarrapada de que: em uma igreja com “não sei quantos mil membros” fica inviável a cerimônia do lava pés, [Jesus lava os pés dos discípulos dando exemplo de humildade, mostrando que Deus considera todas as pessoas iguais e que não há privilégio algum para um ou para outro mostrando claramente que o maior no reino de Deus é aquele que serve humildemente a outros], e da Ceia conforme o modelo dado por Jesus. E que servir o pão e o vinho individualmente em um culto ocuparia muito do tempo. Eu digo que isto é uma tremenda bobagem, e sabe por que falo assim? Porque Deus quando instituiu a Ceia sabia, pela Sua onisciência, que existiriam, no futuro, igrejas com milhares de membros. Quem se importa com as dificuldades e com o tempo é o homem, que coloca obstáculos a prática de uma ordem dada pelo Senhor Jesus. Que a Ceia dure um dia inteiro, e daí? Estamos nos deliciando na presença do Senhor! Quer mais alguma coisa além disto!

Parece que o alimento espiritual mais importante para o crente, que é a comunhão com o Senhor, está sendo diluído pelos compromissos e atividades das mais diversas e, que estão sendo colocadas acima de momentos tão especiais e importantes como este.

Querido irmão, participe da Ceia do Senhor. A única coisa que te impede de tomar lugar à mesa é o pecado. Se for este o caso, reconcilie-se com Deus o mais rápido que puder. Ele está pronto para lhe perdoar e lhe dar lugar para cear com Ele.

"Vem cear", o Mestre chama "vem cear"
Mesmo hoje tu te podes saciar; 
Poucos pães multiplicou.
Água em vinho transformou,
Vem, faminto, a Jesus, "vem cear"

Brados de Júbilo 141 - Harpa Cristã 301


Fonte:
Pb Paulo Cesar Amaral

Nenhum comentário:

Todos os comentários serão moderados. Me reservo o direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.


..

Tecnologia do Blogger.