Header Ads

Ladrões roubam bolsa de mulher dentro de delegacia no interior de SP

Do G1, com informações do Jornal da Globo


Vítima diz que policiais acharam que se tratava de uma briga de casal. Comerciante carregava R$ 13,5 mil na bolsa.


Dois ladrões lutaram com uma mulher, roubaram a bolsa dela, e policiais que assistiam à cena nada fizeram para ajudá-la. Foi tudo dentro de uma delegacia em Salto, interior de São Paulo. A mulher, que não quis se identificar, foi até a delegacia registrar um boletim de ocorrência, porque o celular dela tinha sido clonado. Enquanto esperava, os bandidos chegaram. O alvo dos ladrões era a bolsa da comerciante, que carregava R$ 13,5 mil. Ela havia sacado a quantia no banco horas antes.
“Entrou um rapaz alto, forte dizendo ‘eu quero a bolsa’. Ele puxou a bolsa de um lado, eu puxei do outro. Eu arremessei a bolsa por cima do balcão, que passou por cima das atendentes e caiu do lado de dentro. Ele subiu no balcão, pulou do lado de dentro, pegou a bolsa e eu pendurei nele”, conta a vítima.
Na luta com os bandidos, ela machucou o braço. “Como ele viu que não se livraria de mim de jeito nenhum, ele gritou para o comparsa dele: ‘atira nela’. Daí, eu soltei”, diz a mulher.

Segundo a vítima, dois escrivães que estavam na delegacia viram tudo e não fizeram nada. “O escrivão disse depois que não intercedeu porque achou que era uma briga de marido e mulher. Eu achei um absurdo”, afirma a vítima.

O delegado confirmou a história, mas não quis gravar entrevista. A bolsa foi encontrada jogada na rua sem o dinheiro.

Comentário PC@maral:

Isso é o cúmulo do absurdo! Nem dentro de uma “Instituição de Segurança Pública” se tem “alguma segurança”. O abuso, a audácia e a falta de temor dos ladrões que, há muito tempo, não respeitam mais a polícia e a justiça, transformam a vida do cidadão comum em uma roleta russa. Agora, ou se é assaltado na rua ou dentro de uma delegacia, não faz mais diferença para os bandidos. E a policia que deveria, na prática, fazer o que diz a Constituição Brasileira e, dar segurança ao cidadão, cruza os braços e se desculpa, esfarrapadamente, que não se envolveu, pois, “imaginaram” ser uma briga de marido e mulher.

Será que querem dizer com isso que esse tipo de briga, agora, pode acontecer até mesmo dentro de uma delegacia?

Segurança só mesmo a proporcionada pelo Senhor Jesus, o restante é só balela.

Que Deus tenha misericórdia de nós e nos proteja sempre!

***

Fonte: G1 Divulgado por um PC@maral indgnado com uma notícia dessas!

Nenhum comentário:

Todos os comentários serão moderados. Me reservo o direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.


..

Tecnologia do Blogger.